Avaliação da afasia pelo Médico de Família

Gabriela Leal, Isabel Pavão Martins

Resumo


A linguagem é um processo complexo que envolve múltiplas estruturas do hemisfério cerebral esquerdo, hemisfério dominante para a
linguagem nos indivíduos dextros e, mesmo na maioria dos indivíduos canhotos.
Designa-se por Afasia a perturbação de linguagem resultante de uma lesão cerebral que compromete vários aspectos da comunicação,
nomeadamente a expressão oral, a compreensão de linguagem, a leitura e a escrita. São diversos os tipos de afasia, dependendo da localização da lesão cerebral. A Afasia é uma sequela frequente de Acidente Vascular Cerebral, de traumatismos crânio-encefálicos e, embora mais rara, de tumores cerebrais ou de doenças infecciosas.
Pretende-se, neste artigo, descrever uma avaliação de linguagem passível de ser feita à cabeceira do doente ou numa consulta pelo médico de família. A avaliação consiste em quatro provas cardinais que permitem diagnosticar o tipo de afasia: fluência, nomeação de objectos, repetição de palavras e compreensão de ordens simples. Além destes, outros testes de leitura e de escrita permitem caracterizar melhor o defeito.

Palavras-chave


Afasia; Avaliação; Linguagem

Texto Completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.32385/rpmgf.v21i4.10154

Apontadores

  • Não há apontadores.


Copyright (c)