A experiência de um estágio internacional de cuidados de saúde primários em Boston, USA

Ana Luísa Neves

Resumo



Este artigo pretende transmitir a experiência de um estágio internacional que decorreu em Junho de 2010, no Union Square Family Health (USFH) (Somerville, Boston), uma unidade de cuidados de saúde primários afiliada da Harvard Medical School e da Tufts University of Family Medicine.
Este estágio constituiu uma oportunidade de contactar com a prática clínica diária da Medicina Geral e Familiar nos EUA, nomeadamente ao nível da participação em consultas programadas e não-programadas, sessões de educação para a saúde e de programas de redução do risco cardiovascular, observação e aquisição de competências em técnicas no âmbito da pequena cirurgia, ginecologia em Cuidados de Saúde Primários e infiltrações articulares. Foi também possível contactar com o Programa de Internato de Medicina Geral e Familiar da Tufts University, ao nível da participação em videoconferências e seminários, assim como na observação tutorizada de pacientes e respectiva discussão dos casos.
Através da descrição das actividades desenvolvidas e das especificidades com que contactou durante o estágio supracitado, a autora pretende estabelecer uma reflexão crítica sobre a sua experiência.
Como conclusão, são discutidas as vantagens inerentes à realização de um estágio internacional, entre as quais salienta o contacto com novas ideias e diferentes formas de trabalho, a exposição a novas práticas (e o seu uso como ferramenta de melhoria contínua), a aquisição de novas capacidades de comunicação, o estabelecimento de contactos profissionais e a valorização das qualidades do nosso próprio sistema.

Palavras-chave


Intercâmbio Educacional Internacional; Cuidados de Saúde Primários

Texto Completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.32385/rpmgf.v27i2.10837

Apontadores

  • Não há apontadores.


Copyright (c)