A evolução da citação na Revista Portuguesa de Medicina Geral e Familiar: de 2000-2008 para 2009-2015

Carolina Henriques Abreu, Inês Rosendo, Luiz Miguel Santiago

Resumo



Objetivos: Medir a citação bibliográfica de artigos já publicados na Revista Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (RPMGF), comparando com os anteriores valores de citação.
Tipo de estudo: Estudo observacional, transversal e descritivo.
Local: Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra.
Material: Todos os números da RPMGF publicados entre 2009 e 2015 (inclusive).
Métodos: Revisão sistemática quanto ao número total de referências bibliográficas, número de referências a artigos publicados em Portugal e número de referências bibliográficas de artigos já publicados na RPMGF e constante do seu sítio na Internet. Comparação com os resultados de anterior trabalho e sua comparação com os anteriores.
Resultados: O número total de referências nos artigos publicados foi de 12,0±11,2, as de artigos Portugueses de 2,4±3,0 e as de artigos publicados nesta RPMGF de 0,6±1,2. As dinâmicas de crescimento relativamente aos resultados anteriores são negativas para referências da revista (-33,3), para referências portuguesas (-14,3) e para referências totais (-28,6).
Conclusões: Os valores de citação encontrados são baixos e com dinâmicas de crescimento negativas em relação aos já anteriormente publicados.

Palavras-chave


Referenciação bibliográfica; Análise de citações; Revista científica; RPMGF.

Texto Completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.32385/rpmgf.v33i6.12303

Apontadores

  • Não há apontadores.


Copyright (c) 2018 Revista Portuguesa de Medicina Geral e Familiar