Eczema numular - um desafio diagnóstico

Catarina Pinto Nogueira, Inês Valga Souto, Margarida Brandão, Rui Rocha

Resumo


Enquadramento: O Médico de Família (MF) lida frequentemente com utentes com manifestações dermatológicas, cujo diagnóstico é um desafio. O eczema numular é um tipo disseminado de eczema que se caracteriza por lesões discóides pruriginosas e bem delimitadas. Atinge mais frequentemente indivíduos do sexo masculino com idade superior a 50 anos. O seu diagnóstico é clínico. Com este caso pretende-se sensibilizar o MF para a sua apresentação clínica, diagnósticos diferenciais, tratamento e prognóstico.

 

Descrição do caso: Homem de 53 anos, serralheiro, casado, com antecedentes pessoais de tabagismo, alcoolismo, dislipidemia e hipoacúsia de transmissão, que recorre à consulta por aparecimento de máculas e placas eritemato-descamativas, arredondadas, de diâmetro variável (1-3 cm), muito pruriginosas, dispersas nos membros superiores e inferiores, com cerca de três meses de evolução. Referia agravamento noturno do prurido. Sem atingimento do estado geral ou outros sintomas sistémicos. Desconhecia processo infecioso no início das manifestações cutâneas. Previamente ao diagnóstico, o utente foi observado em três consultas efetuadas por médicos diferentes: inicialmente, as lesões foram interpretadas como reação alérgica, uma vez que manuseava produtos irritantes no local de trabalho, posteriormente foi tratado para Tinea corporis e por último, foi colocada a hipótese de se tratar de uma Psoríase gutata e foi medicado em consonância, sem melhoria. Dada a dificuldade diagnóstica, foi pedido parecer à Dermatologia, via Alert, que considerou tratar-se de um eczema numular.

 

Discussão: O eczema numular é uma entidade com etiopatogenia desconhecida, cujas manifestações clínicas são características, atingindo preferencialmente as extremidades. É importante considerar outros diagnósticos diferenciais, como dermatite atópica, dermatite alérgica, Tinea corporis e Psoríase gutata. O tratamento incluiu aplicação de hidratantes e corticóides tópicos. O seu prognóstico é excelente, apesar de existir possibilidade de recorrência. A divulgação deste caso clínico permitirá refletir acerca desta patologia, reforçando a importância do diagnóstico diferencial e do tratamento adequado.

 

Palavra-chave: Eczema numular, diagnóstico, tratamento.


Texto Completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.32385/rpmgf.v35i4.12139

Apontadores

  • Não há apontadores.


Copyright (c) 2019 Revista Portuguesa de Medicina Geral e Familiar