Fibromialgia: Abordagem terapêutica

Paula Gomes, Carla Campos

Resumo



Objectivos: Rever, com base na evidência, e sistematizar a informação recentemente publicada sobre a abordagem terapêutica do doente com fibromialgia (FM).
Fontes de Dados: National Guide line Clearing house, Cochrane, Dare, Bandolier e Medline.
Métodos de Revisão: Pesquisa de normas de orientação clínica (NOC), meta-análises (MA), revisões sistemáticas (RS) e estudos originais, em língua inglesa e portuguesa, publicados entre 1998 e Setembro de 2008, utilizando as palavras-chave: «Fibromyalgia» e «Therapeutics». Foram também pesquisadas reco mendações de sociedades científicas, tendo sido seleccionadas aquelas em que é analisado o nível de evidência. Foram incluídos 2 NOC, 3 MA, 11 RS e 4 estudos originais. Utilizou-se a taxonomia SORT para avaliação do nível de evidência e força de recomendação.
Resultados:A abordagem da FM requer umaavaliação da dor, funcionalidade, con texto psicossocial e co-morbilidades associadas. Relativamente à terapêutica farmacológica, existe forte evidência para a utilização de duloxetina, pregabalina e tramadol para o controlo da dor. Evidência moderada apoia a utilização de amitriptilina e ciclobenzaprina (especialmente se perturbações do sono associadas) e fluoxetina. O milnaciprano e o pirlindole apresentam resultados promissores, sendo necessários mais estudos. Os efeitos benéficos observados com a fluoxetina, duloxetina e milnaciprano foram independentes das alterações do humor e as do ses utilizadas foram similares ou superiores às recomendadas para o tratamento anti-depressivo, conferindo-lhes a vantagem de tratarem depressões co-mórbidas. Em relação à terapêutica não farmacológica, existe evidência moderada para a prá tica de exercício físico aeróbico e balneoterapia.
Conclusões: Múltiplos tratamentos farmacológicos e não-farmacológicos demonstraram eficácia no tratamento da dor e sintomas associados. Na ausência de um tratamento que actue em todos os sintomas, um tratamento optimizado irá requerer uma abordagem multidisciplinar individualizada.

Palavras-chave


Fibromialgia; Tratamento; Dor

Texto Completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.32385/rpmgf.v26i2.10728

Apontadores

  • Não há apontadores.


Copyright (c)